Loading...

blog / Belezas de Helena: conheça a marca criada por uma mãe junto à filha com síndrome de Down

| 15 de junho de 2021 | 0

Em 2010, a advogada Alessandra Nistal, de São Paulo – SP, viu um novo mundo se abrir diante dos seus olhos. A chegada de Helena, sua filha mais velha, escancarou um problema que, até então, não tinha muito espaço em seu cotidiano: ela percebeu como o mercado da moda simplesmente ignora pessoas consideradas “fora do padrão”. Com Síndrome de Down e dona de um bom humor contagiante, Helena passou a ser a inspiração necessária para um novo negócio.

Há três anos, Alessandra criou a Belezas de Helena, marca de roupas confeccionadas para atender crianças de todos os perfis, incluindo as com o biotipo ligado à Síndrome de Down.

Hoje, a marca se estabelece no mercado como opção de conforto, sustentabilidade e estilo para crianças com SD. Isso graças à reviravolta que Alessandra deu em sua carreira, abandonando a advocacia e o rótulo de “workaholic” para empreender na própria empresa, e à participação da filha na identidade do negócio.

É a Helena quem dá a “consultoria especializada”, escolhendo as peças e definindo as estampas, sempre priorizando cortes confortáveis para o seu biotipo.

Batemos um papo com Alessandra Nistal, empresária e mãe babona de Helena, que conta, com orgulho, a sua história com essa sócia mais do que exigente.

Helena, 10 anos, escolhe as estampas, modelos e texturas das roupas da sua marca | Foto: arquivo pessoal

SdA – Como a Síndrome de Down influenciou sua visão sobre a vida e sobre o tema inclusão?

AN – Fiquei sabendo da possibilidade da SD no nascimento da Helena. Pela forma positiva com que recebi a notícia e o apoio de todos, não tive aquele famoso período de luto, mas sim de insegurança. Após a confirmação da SD, isso preencheu os primeiros anos de minha vida. Sempre brinco que primeiro o foco era minha filha, na sua pessoa, e depois vinha o diagnóstico. Então, optei por pausar minha carreira e focar no seu desenvolvimento e acompanhamento de perto.

SdA – Quando e como você decidiu apostar no empreendedorismo e na Belezas de Helena? Quais foram os primeiros passos? As peças são todas confeccionadas pela marca?

AN – Beleza de Helena nasceu do interesse dela em modelar, em ser fotografada, já que desde pequena participou de algumas campanhas. Veio também da minha dificuldade em encontrar roupas para seu biotipo diferenciado e do sonho do pai em incentivar e desenvolver o futuro independente da sua filha.

SdA – Helena participa ativamente na escolha das estampas, modelos e peças. Como é esse processo de criação das roupas?

AN – Não trabalhamos com coleções, cores e demais regras do meio. Nosso negócio ainda é familiar e visamos os interesses da Helena dentro das possibilidades. Como somos pequenos e temos ainda dificuldade em conseguir tecidos adequados, dentro do que podemos, mostramos para ela as ideias e ela aprova estampas, textura, cores e modelos.

SdA – Quais os eventos e desfiles mais importantes que a Helena e a marca já estiveram presentes?

AN – Estamos em nosso terceiro ano de vida e esta pandemia acabou prejudicando nossas atividades no tocante à mão de obra e materiais. Mesmo assim, participamos como marca convidada da Feira Fit, referência do segmento infantil, e nos apresentamos no Osasco Fashion Week. Também estivemos em diversos programas de televisão e matérias jornalísticas.

Helena também trabalha como modelo diversidade e já desfilou em vários eventos de moda | Foto: arquivo pessoal

SdA – Quais as principais peculiaridades nas peças inclusivas, especialmente, as voltadas para as crianças com Síndrome de Down? E como é o impacto desta inovação nas famílias que são público-alvo?

AN – Nossas peças são mais amplas, priorizamos o algodão e não usamos botão, zíper ou detalhes que dificultem as crianças de terem a independência de se vestirem sozinhas. Nas estampas, fazemos referência ao mundo inclusivo, com ilustrações e frases de motivação. Mas, apesar das medidas diferenciadas, nossa missão é chegar a uma moda inclusiva para todos, favorecendo, sim, o biotipo diferenciado da SD, mas que qualquer outra criança possa usar também.

SdA – Quais os feedbacks de clientes que vocês já tiveram?

AN – A criança se sentiu confortável, conseguiu se vestir sozinha e se viu representada, por exemplo, nas camisetas estampada com um emoji com o fenótipo da síndrome de Down e seus olhos característicos.

Desfile Belezas de Helena | Foto: arquivo pessoal

SdA – Helena, como você se sente participando ativamente de uma empresa que leva o seu nome? E como você se imagina no futuro? Que carreira gostaria de seguir?

HN – Eu sou muito feliz que tenho Belezas de Helena. Quero ser modelo e youtuber para vender minhas roupas.

A Belezas de Helena é marca parceira Sou de Algodão! Se você também tem uma marca que trabalha com algodão e quer fazer parte deste movimento que incentiva a moda responsável no Brasil, SAIBA COMO FAZER PARTE!

0 comentários

deixar um comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *