Na Tecelagem Jolitex, a palavra de ordem é a paixão. Paixão pelo que faz, paixão por fazer bem feito, paixão por tecidos e por sempre buscar a inovação para produzir os melhores e mais modernos produtos do mercado têxtil.

Há 65 anos na arte de fazer tecidos para os segmentos de decoração e moveleiro, com estampados exclusivos, inclusive para colchão, há sete anos a empresa investiu em uma nova área: criou a marca Jolitex Denim e ingressou com força e determinação no mercado de jeanswear.

Com duas unidades fabris em Americana (SP) e uma exclusiva para o índigo em Nova Odessa (SP), a Jolitex Denim tem como posicionamento de mercado ser especialista em oferecer premium denim com a melhor relação custo/benefício.

Tecnologia de ponta

Para disponibilizar um tecido diferenciado com preço competitivo, a empresa investe em novas tecnologias e em inovadores processos de produção. Sua linha de produtos tem tecidos com diferentes composições, construções, tingimentos e acabamentos, seguindo sempre a linha mais clássica do denim. “Como a Jolitex Denim é uma empresa relativamente nova, ainda focamos mais no clássico mesmo, trabalhando com as diversas tonalidades de azul, além do preto”, afirma Claudete Del Vecchio, coordenadora de desenvolvimento de produtos da companhia.

De acordo com ela, as linhas disponibilizadas pela marca permitem às confecções diversificar e customizar suas coleções para os mais diversos públicos, desde o feminino, o masculino e até o infantil.

A maior parte dos fios usados na fabricação dos tecidos é de produção própria. “Temos um maquinário excelente, uma fiadeira que é a mais moderna do País, assim como as máquinas de tingimento, que são de ponta”, afirma Claudete.

O tingimento, segundo ela, é um dos diferenciais da marca no setor de índigo no Brasil. “Estamos com três máquinas rodando, duas delas são as mais modernas que existem nesta área”.

Para oferecer um produto final com a qualidade e o conforto considerados ideais pela empresa, a maior parte da produção tem mais de 70% de algodão, inclusive, os tecidos da Tecelagem Jolitex em geral. “A fibra natural é versátil e agrega valor ao produto em que é utilizada. O resultado final é sempre diferenciado”, diz a especialista.

Os tecidos produzidos são de linhas mais pesadas, geralmente, voltadas para a confecção de calças jeans. Atualmente, apenas 20% da produção de denim é direcionada à linha leve, como camisaria.

Premium Denim

Tecnologias inovadoras aliadas a pesquisas de processos e de mercado resultaram no Premium Denim, um novo conceito de tecidos de alta performance que a Jolitex introduziu no mercado. Esse produto tem um valor diferenciado por sua rigorosa estabilidade dimensional. Confeccionados com larguras mais amplas a partir de matérias-primas exclusivas, garantem maior rentabilidade.

Nas palavras da coordenadora de desenvolvimento da empresa, o que diferencia a linha premium das demais é o tecido em algodão elastano, bastante elástico. “É como se fosse uma segunda pele porque ele tem um power bem grande”, explica Claudete que, em seguida, enfatiza sua composição: “Ele tem 97% de algodão e apenas 3% de elastano”.

A empresa chegou a esse tipo de tecido por entender que era uma demanda de mercado ter um produto como esse. “É o primeiro denim com power extra que nós trabalhamos e que chegamos a um resultado final tão perfeito”, diz a coordenadora de desenvolvimento da Jolitex.

Fundada por Sr Alfred Michel David, a empresa tem como CEO e diretor geral Michel Alfredo David, e tem 900 colaboradores diretos, quatro máquinas em processo de montagem e um volume de produção de 3,5 milhões de metros de denim.